Coluna ADI-PR
Hiroshi e Rangel
Victor Tioqueta, Hiroshi Kubo (Carlópolis) e Marcelo Rangel (Ponta Grossa) e Darci Piana

Hiroshi e Rangel
Dois prefeitos do Paraná - Hiroshi Kubo (Carlópolis) e Marcelo Rangel (Ponta Grossa) - estão entre os 14 gestores municipais premiados no Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor. Neste ano, foram 1.160 projetos que trataram melhoria do ambiente de negócios para as micro e pequenas empresas, além dos microempreendedores. Hiroshi Kubo foi premiado na categoria Pequenos Negócios no Campo, com o projeto “Carlópolis Cooperativo”. Marcelo Rangel venceu na categoria Políticas Públicas para Desenvolvimento dos Pequenos Negócios – Região Sul, por desenvolver a “Primeira Sala Digital do Brasil”.  

Rodovia Zilda Arns
Foi sancionado o projeto de lei do deputado Diego Garcia (Pode-PR) que denomina “Rodovia Zilda Arns Neumann” o trecho da BR-369 entre a cidade de Bandeirantes, no Paraná, e a divisa com São Paulo. Zilda Arns era médica pediatra e sanitarista e fundou, em 1983, a Pastoral da Criança e em 2006, foi indicada ao Prêmio Nobel da Paz. Zilda morreu em janeiro de 2010, em um terremoto que fez mais de 100 mil vítimas no Haiti.

Polícia Civil + Guarda Municipal
Os deputados Delegados Fernando (PSL), Delegado Jacovós (PR) e Delegado Recalcatti (PSD) pediram ao Governo do Estado a cooperação entre a Polícia Civil e as guardas municipais. Segundo eles, a medida dará mais agilidade às investigações, aumentará o efetivo disponível e vai melhorar os índices de elucidação de casos.

Hospitais universitários
Logo após a cobrança do deputado Michele Caputo (PSDB) ao secretário Renê Garcia Junior (Fazenda) a respeito do contingenciamento das verbas dos hospitais universitários, a Secretaria Estadual da Saúde anunciou que vai antecipar R$ 17,5 milhões para custeio dos HU's de Cascavel, Londrina, Maringá e Ponta Grossa. O recurso dará um fôlego extra aos hospitais, que já ameaçavam suspender cirurgias eletivas e outros procedimentos. O estoque de materiais, órteses e próteses, utensílios médicos e até alguns medicamentos estava próximo de acabar.

Fórum de inovação
O Ministério da Agricultura promove na terça-feira, 11, em Carambeí, o primeiro Fórum Regional de Inovação Agropecuária. O evento pretende identificar as dificuldades e oportunidades para promover a melhoria do ambiente de inovação na agropecuária.  Cerca de 67% das propriedades agrícolas do país usam algum tipo de tecnologia, seja na área de gestão dos negócios ou nas atividades de cultivo e colheita da produção.  

Rota do Rosário
O deputado Cobra Repórter (PSD) apresentou projeto de lei para incluir a "Rota do Rosário", tradicional roteiro religioso do Norte Pioneiro e Campos Gerais, nas regiões turísticas do Paraná. A "Rota do Rosário" é composta pelas cidades: Arapoti, Bandeirantes, Ibaiti, Jacarezinho, Jaguariaíva, Joaquim Távora, Piraí do Sul, Ribeirão Claro, Ribeirão do Pinhal, Santo Antônio da Platina, Siqueira Campos e Tomazina.

Dia dos Namorados
A expectativa do comércio para as vendas relacionadas ao Dia dos Namorados, no dia 12 de junho, é de alta de 1,9%, na comparação com o ano passado. Apesar da alta tímida, é o terceiro ano seguido de melhora nas vendas. Dados são da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo.

PL do Saneamento
O Senado aprovou o projeto de lei que atualiza o marco legal do saneamento no país. O projeto abre a possibilidade de a iniciativa privada operar os sistemas de água e esgoto municipais. Porém, autoriza municípios pequenos possam fazer contratos com empresas estatais sem licitação, caso a concorrência não atraia interessados ou não exista viabilidade econômica que justifique a privatização.

PTC vai de Zé Boni
O PTC lançou o ex-vereador Zé Boni como pré-candidato a prefeito de Curitiba. Zé Boni, ano passado como candidato a senador, fez 33 mil votos, 5% dos votos em Curitiba.

Quais critérios?
O deputado Paulo Litro (PSDB) apresentou três requerimentos ao Governo do Estado em que questiona os critérios utilizados para as nomeações dos chefes dos Núcleos Regionais da Educação. “Se foi estabelecido o teste para a escolha da nomeação, é preciso que exista um critério de avaliação único e aplicado em todas as regiões do estado, caso contrário passa a impressão que a Secretaria da Educação tinha preferência por alguém e ajustou a escolha de forma discricionária, colocando em xeque todo o mérito do processo seletivo”, disse Paulo Litro.

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br  

Classificados