Segurança

Uma morte durante o feriado nas rodovias do Sudoeste

["O estado em que ficou o Prisma que foi atingido por uma \u00e1rvore que caiu sobre a pista na PR-583 "] (Foto: Leodir Pereira)

A 6ª Companhia da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) realizou de quinta-feira a domingo, nas rodovias do Sudoeste, a Operação Finados. Foram registrados nove acidentes, com uma morte e 17 feridos. No feriado do ano passado foram sete acidentes, com três mortes e sete feridos. Portanto, aumentaram os acidentes e feridos, mas reduziu em 66,67% o índice de mortes.

O acidente com vítima fatal ocorreu na tarde do último sábado na PR-583, em Pérola D’Oeste. Com um forte vento, parte de uma árvore caiu sobre um Prisma e um galho atingiu o peito do motorista Paulo Eugênio Dylbas dos Santos, 53 anos. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu após dar entrada em casa hospitalar.

A 6ª Companhia da PRE também registrou um aumento de imagens de radar por excesso de velocidade. Foram 240 imagens neste ano, contra 85 no feriado de 2017. Já as autuações de trânsito aumentaram de 70 para 113.

Paraná

No feriado prolongado de Finados, foram registrados 55 acidentes de trânsito em rodovias estaduais, com 46 pessoas feridas e quatro óbitos em todo o Paraná. Comparado com o mesmo feriado do ano passado, o balanço apontou redução de 34,52% nos acidentes e de 41,03% de pessoas feridas.

Durante a operação, os policiais fizeram 3.145 imagens de radar e 1.513 autuações de diversas infrações de trânsito, números inferiores aos registrados no mesmo feriado de 2017, quando foram 4.644 imagens de radar e 1.561 autuações. Também houve ações de repressão à direção perigosa e de condutores embriagados. Neste feriado foram conduzidos nove motoristas por embriaguez ao volante (art.306). Durante o feriado de Finados de 2017 foram cinco encaminhamentos pelo art. 306.

PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou 8.149 veículos transitando acima dos limites máximos de velocidade durante o feriado de Finados no Paraná. As equipes autuaram outros 457 motoristas por ultrapassagens proibidas e 79 por embriaguez ao volante.

Em quatro dias de operação, de quinta-feira (1º) até domingo (4), duas pessoas morreram, outras 78 saíram feridas em 72 acidentes. No mesmo feriado de 2017, quando a operação teve cinco dias de duração - um a mais do que a deste ano-, dez pessoas morreram nas rodovias federais do Paraná. Outras 115 pessoas ficaram feridas. Na ocasião, a PRF atendeu 125 acidentes.

Classificados