Brasil

STF se divide sobre lei gaúcha que proíbe revista íntima em funcionários

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) se dividiu nesta quinta-feira, 8, ao discutir se uma lei gaúcha que proíbe a revista íntima em funcionários de estabelecimentos comerciais e industriais localizados no Rio Grande do Sul fere a Constituição Federal. Após quatro votos a favor da

Atenção! Você já atingiu o limite diário de visualização de notícias. Torne-se um assinante!

Classificados