Pato Branco

Seguem internados os cinco feridos no acidente do domingo

["Acidente aconteceu na tarde do domingo, na rodovia PR-158"] (Foto: Abel Silvério/ Reprodução)

Na tarde dessa quinta-feira (21), o hospital Policlínica Pato Branco divulgou novas informações sobre os cinco feridos no acidente da PR-158 entre Vitorino e São Lourenço do Oeste (SC), na tarde do domingo (17).

Luci Fatima Lourenci Padilha Chagas, de 56 anos, que conduzia o veículo de Francisco Beltrão, teve alta da UTI, e segue internada, quadro estável.

A passageira Suzana Beatriz Lourenci, 50 anos, também segue internada em quarto, e de acordo com o departamento médico, seu quadro é estável, em observação.

Segundo o hospital, Gisele Neumeister, de 23 anos, que estava na caminhonete com placa de Curitiba, onde estavam quatro pessoas, segue na UTI. De acordo com o boletim médico seu quadro é estável, mas inspira cuidados.

Junto de Gisele estava Ana Luiza Caldaro Dalpizon, 23 anos, que passou por novo procedimento cirúrgico. Ela segue em observação, na quarta-feira (20) teve alta da UTI, e permanece em um quarto.

Já Jhonattan Roberto Foss, de 31 anos, teve alta nesta quarta (20), porém, retornou ao hospital no mesmo dia, passou por uma cirurgia na região abdominal. E segundo o boletim médico, ele este em um quarto, seu quadro é estável, e o paciente recupera-se bem.

Acidente

O acidente, na rodovia PR-158 entre Vitorino e São Lourenço do Oeste (SC), foi atendido pela Polícia Rodoviária Estadual (PRE), por volta das 14h45, e equipes do Corpo de Bombeiros do Paraná e Santa Catarina, além do Samu.

Segundo o relatório de imprensa da PRE, o veículo Captiva registrado com placas de Francisco Beltrão, era conduzido por Luci Fátima Laurenci Padilha Chagas. Ela relatou ter perdido a direção do veículo após uma aquaplanagem. Além de Luci estava no veículo, Suzana Beatriz Lourenci.

A outra caminhonete envolvida no acidente era conduzida por Jhonattan Roberto Foss. No banco do passageiro na frente estava Gisele Neumeister. Enquanto que no banco traseiro estava Ana Luiza Caldaro Dalpizon e Edison Machado Coelho, que teve alta médica ainda na segunda-feira (18).

Classificados