Região

Prefeitura de Mangueirinha desenvolve projeto “Conectar”

Na última semana, a Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Mangueirinha realizou, no Centro de Eventos Darci Gubert, o lançamento oficial do projeto “Conectar”.

A iniciativa tem como objetivo alertar pais e responsáveis sobre o uso de jogos violentos por crianças e adolescentes, e acesso irrestrito aos meios digitais, “assunto que está em pauta em virtude das possíveis influências no comportamento de seus usuários”, explica a Secretaria de Educação.

Tendo em vista que a infância e a adolescência são etapas em que se vive a fantasia e são desenvolvidas a imaginação e a criatividade, “esse processo pode ser afetado pela exposição frequente, irrestrita e não controlada aos aparelhos eletrônicos. Os jogos violentos podem influenciar negativamente, quando os usuários não possuem uma formação familiar estruturada ou vivem em um contexto social agressivo”, acrescenta.

O evento contou com mais de 400 pessoas, entre autoridades, como o promotor de justiça de Mangueirinha, José de Oliveira Júnior; o diretor geral do Campus Coronel Vivida do Instituto Federal do Paraná (IFPR), Evandro Marcos Leonardi; e a advogada Karina Camargo Martins Lorenzetti, representando a subseção de Palmas da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Ainda, participaram representantes do Núcleo Regional de Educação de Pato Branco (NRE), do Conselho Tutelar, do Conselho do Direito da Criança e do Adolescente, entre outras entidades. Pais dos alunos matriculados nas redes municipal, estadual e particular também compareceram ao lançamento, no qual houve o esclarecimento de dúvidas sobre o projeto.

De acordo com a secretária de Educação e Cultura de Mangueirinha, Tereza Adelaide Moraes Costa, várias são as atividades que serão realizadas no decorrer do ano, dentro do projeto.

Destaque para a Ação Global, que ocorrerá no dia 27 de abril, com início às 8h, em frente ao Ginásio Luiz Balbino de Moraes. “O evento terá os moldes da ‘Rua do Lazer’, envolvendo algumas entidades. Teatro, dança, música, atividades sociais e orientações de saúde são apenas algumas das várias atividades que serão desenvolvidas nesse dia”, explica Tereza.

Ela também informa que a Ação Global contará com a participação do grupo “Projeto Vida”, de São Paulo, que vai apresentar palestras, por meio da arte. Esse mesmo grupo visitará as escolas de Mangueirinha, nos dias 25 e 26 deste mês.

Outro evento que será realizado dentro do “Conectar”, conforme Tereza, será a “Campanha contra violência e exploração sexual de crianças e adolescentes”, no mês de maio, em parceria com a Secretaria de Assistência Social.

Mais detalhes sobre esse evento e os demais, que fazem parte do projeto, serão definidos em reuniões realizadas frequentemente entre a Secretaria de Educação e Cultura, com todos os parceiros envolvidos na causa.

Classificados