Segurança

Polícia Civil prende acusado de desviar dinheiro de hospital

O dinheiro encontrado com o acusado (Foto: Divulgação)

Um funcionário de um hospital de Pato Branco foi preso em flagrante na tarde de terça-feira (7) pela Polícia Civil por ter se apropriado de valor recebido de paciente. Ele é suspeito de ter desviado mais de R$ 130 mil ou estar cobrando de pacientes valores acima dos tabelados pelo hospital.

O delegado-chefe da 5ª Subdivisão Policial (5ª SDP), Getúlio de Morais Vargas, divulgou uma nota informando que, segundo o hospital, o referido funcionário era responsável em recolher os valores recebidos na parte ambulatorial, emitir as notas fiscais e depois repassar ao setor financeiro. Mas o servidor estaria excluindo itens do sistema e se apropriando de parte do dinheiro, repassando valores menores.

De acordo com o delegado Getúlio, na terça-feira ocorreu o desvio de pouco mais de R$ 200,00, entretanto, o hospital apurou até o momento que os desvios podem passar de R$ 130mil ou o funcionário estaria cobrando dos pacientes valores acima dos tabelados pelo estabelecimento. No momento da prisão, foram apreendidos na posse do servidor R$ 8.650,00 em espécie. Ele alegou, durante interrogatório, que o dinheiro é fruto de seu trabalho, mas estranhamente disse carregar os valores, não depositando no banco e nem deixando guardado em casa.

Conforme o delegado Getúlio, o funcionário foi autuado em flagrante por apropriação indébita em razão do emprego, que não cabe fiança na fase policial em razão da pena ultrapassar quatro anos, por isso ele está recolhido na cadeia pública local.

Getúlio acrescentou que será instaurado pelo menos mais um inquérito policial para apurar os outros desvios. Ele disse que, a pedido dos advogados das partes, não será divulgado o nome do homem preso e do hospital.

Classificados