Segurança

Polícia Civil identifica maníaco sexual que agia em Pato Branco

Um homem que andava nu em Pato Branco e mostrava o órgão genital para mulheres que transitavam pela cidade, foi identificado nesta semana pela Polícia Civil. A delegada Franciela Alberton Biava, da Delegacia da Mulher, divulgou nesta sexta-feira (9) uma nota sobre o caso, mas preferiu não repassar maiores informações porque o investigado está fora da cidade.

Pelo que foi levantado até agora pela delegada Franciela, o maníaco sexual já tem passagens em outras cidades pelo mesmo fato. Com isso, a delegada pede as vítimas, que ainda não registraram Boletim de Ocorrência, para comparecerem na Delegacia da Mulher de Pato Branco e comunicarem o fato, a fim de comprovar a gravidade da ação do tarado e seu risco para a sociedade.

Classificados