Mundo

Poderia me reunir com líder norte-coreano na fronteira desmilitarizada, diz Trump

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou na noite desta sexta-feira que poderia se reunir com o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-Un, na zona desmilitarizada entre as Coreias. Já na manhã de sábado na hora do Japão, onde está atualmente para a cúpula do G20, Trump comentou também que terá "algumas reuniões muito importantes", entre elas o encontro com o presidente da China, Xi Jinping.

Pelo Twitter, Trump disse que, após deixar a China, deve seguir até a Coreia do Sul. "Enquanto estiver lá, se o líder Kim da Coreia do Norte vir isso, eu me reuniria com ele na fronteira desmilitarizada apenas para apertar sua mão e dar um oi (?)!", escreveu o presidente americano.

Classificados