Esportes

Pato Futsal perde para o Marreco pela Supercopa

(Foto: Mauricio Moreira )

O Marreco venceu o Pato Futsal na quinta-feira à noite, por 3 a 1, no Ginásio Arrudão, em Francisco Beltrão, garantindo a classificação para a final da Supercopa, para o time anfitrião. A decisão será neste sábado, às 12h30, contra o Corinthians, que eliminou o Atlântico, de Erechim (RS). Antes, às 10h30, o Pato decide o terceiro lugar diante do Atlântico. O campeão da Supercopa garante vaga na Copa Libertadores da América.

O Marreco começou pressionando e Sol Sales meteu uma bola no travessão. Aos poucos o Pato Futsal foi equilibrando o jogo e teve uma excelente chance com Vilian, mas Di Fanti defendeu. Em seguida, Peru fez boa jogada e chutou para fora. O time beltronense foi para o ataque e conseguiu duas faltas. Em um delas, Fabiano Assad bateu forte e a bola foi para fora. O Pato deu o troco com Gui, que obrigou Di Fanti a praticar uma excelente defesa. Dener derrubou Vilian e recebeu cartão amarelo. Depois Peru fez falta em Sinoê e foi punido com cartão amarelo. Em seguida, Sinoê tentou de cabeça e Djony defendeu. O Marreco pressionava e Pedro Rei chutou forte e a bola bateu no travessão. O Pato estourou o número de faltas, mas conseguiu segurar o adversário no primeiro tempo.

No segundo tempo, o Clássico das Penas continuou equilibrado. O Pato chegou com Vassoura, mas Di Fanti defendeu. Pequeno entrou bem no jogo, mas foi parado com falta. O Marreco tocava bem a bola, mas errou no ataque e Vassoura teve grande oportunidade e Di Fanti defendeu. Em seguida, o time beltronense abriu o placar, com Sinoê. O Pato foi em busca do prejuízo e Gui bateu para a defesa de Di Fanti. O Marreco teve a chance com Sol Sales, que chutou para fora.

O técnico Sérgio Lacerda pediu tempo para acertar o posicionamento da equipe em quadra. O Pato partiu para o tudo ou nada. Vilian bateu e Pedro Rei salvou o Marreco. Em seguida, Pequeno chutou forte e empatou o jogo. Depois Sol Sales bateu a bola desviou em um jogador do Pato e entrou 2 a 1, faltando um minuto. O Pato foi para cima, mas errou e Douglas fechou o placar, 3 a 1.

Classificados