Esportes

Paraná tem dois times entre os quatro melhores do futsal do Brasil

Pelo regulamento da LNF, o ginásio para as semifinais deve ter capacidade de público superior a 2 mil lugares, o que vai fazer o Pato mandar sua partida fora de Pato Branco (Foto: Mauricio Mateus Moreira /Assessoria Pato Futsal)

Na tarde deste domingo (11) foi conhecido a quarta equipe que vai jogar as semifinais da Liga Nacional de Futsal (LNF). O jogo que definiu a Copagril de Marechal Cândido Rondon na quarta vaga, aconteceu em Carlos Barbosa na Serra Gaúcha.

Com o empate em 2 a 2 em Marechal Cândido Rondon, e a vitória por 2 a 0, o time paranaense carimbou sua classificação. Assim com a vitória do Pato Futsal no sábado (10), que eliminou o Corinthians, passam a ser duas as equipes do Paraná entre as quatro melhores do Brasil.

Os confrontos da próxima fase serão entre, o Pato Futsal e o Maguns Sorocaba (SP), com o Pato tendo a vantagem da última partida ser disputada no Paraná, em quadra ainda a ser definida pela questão de público mínimo de 2 mil pessoas que é estabelecido pela LNF. A vistoria dos ginásios de Chopinzinho e de Coronel Vivida foram feitas ainda no sábado, após a classificação.

Já a Copagril terá como adversário o Atlântico de Erechim (RS). Por ter terminado a primeira fase em terceiro, o Galo gaúcho tem a vantagem de decidir diante da sua torcida.

Como chegaram as equipes

O Atlântico terminou a primeira fase em terceiro lugar na classificação, com 37 pontos e 68,5% de aproveitamento. Na segunda fase, que marcou o início dos playoffs o time de Erechim, enfrentou o Jaraguá (SC), vencendo as dias partidas - 4 a 3 fora de casa e 3 a 0 diante da torcida.

Já nas quartas de final, o Galo eliminou o Minas Tênis. Em Minas Gerais, a partida terminou empatada em 3 a 3, mas o fator casa pesou e no jogo de volta, os gaúchos venceram por 3 a 2.

A segunda equipe a se classificar para a semi foi o Pato. O time do Sudoeste do Paraná terminou a primeira fase em quarto, com 35 pontos e 64,8% de aproveitamento. A primeira fase do playoff foi diante do maior rival, o Marreco de Francisco Beltrão.

O Pato venceu as duas partidas. Em Francisco Beltrão no ginásio Arrudão, o elenco de Sérgio Lacerda venceu por 4 a 2 e na volta, com o Dolivar Lavarda lotado, o placar foi de 3 a 2. Já pelas quartas, o Pato enfrentou o Corinthians, que se classificou em quinto, com a mesma quantidade de pontos dos pato-branquenses, porém, com critério de desempate inferior.

Em São Paulo, as duas equipes empataram em 1 a 1, e no jogo de volta, o Pato venceu por 4 a 2.

O Magnus Sorocaba se classificou em nono na primeira fase, com 26 pontos e 48,1% de aproveitamento. Na segunda fase o time de São Paulo venceu a primeira disputada como o Joaçaba (SC) pelo placar de 4 a 0 e empatou a segunda por 2 a 2.

No confronto das quartas, enfrentou mais um time catarinense, desta vez o campeão da LNF 2017, o Joinville. Em casa o Magnus venceu por 4 a 2, e em Joinville perdeu no tempo normal por 6 a 2, o que levou a partida para a prorrogação, vencida pelos paulistas por 1 a 0.

Sétima colocada na primeira fase com 27 pontos e 50% de aproveitamento, a Copagril jogou a primeira fase dos playoffs com o Blumenau (SC). Na primeira partida empate de 3 a 3, e novo empate no jogo de volta por 2 a 2. No entanto, a Copagril marcou duas vezes na prorrogação o que a colocou na próxima fase.

Pelas quartas, o time enfrentou a multicampeã equipe da ACBF de Carlos Barbosa (RS). Na primeira partida, empate em 2 a 2, e na Serra Gaúcha, o time do Paraná, venceu por 2 a 0.

Classificados