Almanaque+

Onde foi parar o meu dinheiro?

Dupla de desenvolvedores pato-branquenses cria aplicativo simples para controle financeiro

Ah, a crise! Dizem os especialistas que é na crise que nos fortalecemos, que sobrevive quem sabe se reinventar. No entanto, o que o momento pede mesmo é reajuste de despesas, e não há como se organizar se não tiver controle do que entra e do que sai, seja uma empresa ou na casa da gente.

Nessa onda de ser criativo para superar a crise e, de quebra, ainda ajudar com que as pessoas se organizem, os pato-branquenses Evaldo Augusto Bianchi e Jakson Britzke desenvolveram o aplicativo Wisecash, que ajuda bastante no controle financeiro.

Britzke conta que a ideia surgiu porque eles acreditam que o simples controle dos gastos e ganhos mensais, seja na forma de anotação em papel ou em um aplicativo, por exemplo, vai facilitar o entendimento da vida financeira. “Além de achar que controlar as despesas na ponta do lápis ser algo essencial, outros fatores nos incentivaram a desenvolver o Wisecash, como a dificuldade em encontrar um aplicativo que fosse realmente simples de se utilizar, até mesmo por pessoas com menos familiaridade com smartphones”, comenta. Além disso, também tiveram peso a facilidade de acesso à tecnologia, além da praticidade em utilizar um smartphone ao invés do papel ou de um notebook.

Outra vantagem é a simplicidade de uso. A dupla de criadores procurou tornar a interface do aplicativo o mais simples possível, permitindo que o usuário necessite do mínimo de toques possíveis para registrar um lançamento. Todas as telas são intuitivas, não sendo necessário muito esforço para compreender o funcionamento e principalmente analisar para onde está indo o dinheiro.

Por isso, eles indicam o uso do Wisecash para qualquer pessoa que deseja organizar sua vida financeira. “Principalmente para aqueles que acreditam não terem tempo para se organizar, para as pessoas que vivem se perguntando o que fazem com o dinheiro ou ainda que acabam gastando muito mais do que ganham simplesmente por não anotarem seus gastos”, comenta. E não há nada mais comum do que essa pergunta — onde foi parar o meu dinheiro? —, não é mesmo?

Em pouco mais de um mês de atividade, o aplicativo já alcançou mais de 2.700 downloads, inclusive em outros países. Ele tem mais de 70 avaliações positivas e nenhuma negativa na Google Play. Também tem recebido várias sugestões interessantes dos usuários.

Gratuito

“O aplicativo tem como um dos principais objetivos, facilitar a vida das pessoas, por isso é distribuído gratuitamente, com todas as funcionalidades”, informa Britzke.

Para acompanhar as novidades sobre o app, basta curtir a página no Facebook ou ainda através do aplicativo é possível enviar e-mail com sugestões para os desenvolvedores.

O aplicativo está disponível gratuitamente na Google Play basta pesquisar por “Wisecash”.

Classificados