Brasil

Mãe morre asfixiada pela filha e pelo genro em Petrópolis

A estudante Paloma Vasconcelos, de 21 anos, está presa desde o último sábado, 6, acusada de matar a própria mãe asfixiada, em casa, após usar formol para deixá-la sem reação. Paloma morava com a mãe - a empresária Dircelene Botelho Garcia, de 51 anos - e o padrasto em uma casa de três

Atenção! Você já atingiu o limite diário de visualização de notícias. Torne-se um assinante!

Classificados