Pato Branco

Feira de Orgânicos é levada a região sul da cidade

A Feira de Produtos Orgânicos e Artesanais promovida pela UTFPR, campus Pato Branco, em conjunto com várias entidades, está sendo realizada também no bairro Cristo Rei, na região sul de Pato Branco. O local da feira, promovida todas as quintas-feiras pela manhã, é o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas Mecânicas e de Material Elétrico de Pato Branco e Região Sudoeste do Paraná, que fica na esquina entre a Avenida Tupi e a rua Fiorelo Zandoná.

No espaço, produtores rurais de Pato Branco, Coronel Vivida e Verê comercializam produtos orgânicos certificados, como frutas, legumes e verduras, além de produtos artesanais como queijos, salames, entre outros.

O projeto é promovido desde 2016 e começou dentro do campus da UTFPR, após uma experiência durante o Festival Universitário de Cultura e Arte (Fuca). A iniciativa foi pensada dentro do curso de Agronomia, por meio do professor Thiago Vargas. Após o festival, a feira passou a ser realizada periodicamente, todas as quintas-feiras, na universidade.

Em 2018, por iniciativa do professor Miguel Angelo Perondi, também da área de Agronomia, o projeto foi expandido para o bairro Jardim Primavera, onde a feira segue sendo realizada no pátio da Paróquia Nossa Senhora de Fátima. “As pessoas já fidelizaram, já se planejam para ir à feira. Então é uma feira que já está consolidada”, diz o professor.

Desde janeiro, a feira passou a ser realizada também no bairro Cristo Rei, onde os organizadores também planejam consolidar o projeto.

A iniciativa conta com outros parceiros como o Instituto Agronômico do Paraná (Iapar); o Fórum Sindical dos Trabalhadores de Pato Branco e Região (FST); o Núcleo de Estudos em Agroecologia e Produção Orgânica do Sudoeste do Paraná; Centro de Apoio e Promoção da Agroecologia (Capa) e Assesoar.

Perondi explica que a aproximação com os sindicatos se deu por conta da Plataforma Comida Saudável, iniciativa das entidades de classe que pretende estimular a alimentação orgânica entre os sindicalizados, por meio da entrega a domicílio de uma cesta de alimentos. “Esse serviço ainda não está consolidado. Este ano nós estamos justamente consolidando o espaço da feira para que, estrategicamente, os grupos de trabalhadores já tenham uma experiência”, explica o professor.

Ele acrescenta que as feiras são uma oportunidade para que a comunidade tenha acesso a produtos orgânicos certificados por preços atrativos. Além disso, por conta da diversidade de municípios de origem dos produtores, é possível ter acesso a diferentes variedades. “Por exemplo, existem frutas que você já está ofertando na beira do Chopim, que em Pato Branco vão estar maduros daqui a um mês”, ilustra o professor.

Ao estimular a criação de um público consumidor local, Perondi também acredita que a Feira contribui para que novos produtores invistam na produção de orgânicos e na busca por certificação em Pato Branco.

Mais informações podem ser obtidas no site feira-organica-no-bairro.webnode.com, na página facebook.com/feiranobairro, e no Instagram @feiraorganicanobairro.

 

Feira de orgânicos

Todas as quintas-feiras

Paróquia Nossa Senhora de Fátima (Bairro Jardim Primavera)

- Das 7h às 9h30

UTFPR - Campus Pato Branco

- Das 9h30 às 17h30

Sindicato dos trab. Metalúrgicos (Bairro Cristo Rei)

- Das 10h às 12h30

Classificados