Pato Branco

Exporural vai acontecer em outubro

A 4ª edição da feira terá como atração de show o DJ Alok
Feira será no Parque de Exposições de 10 a 13 de outubro

Tradicionalmente realizada no mês de agosto, a edição de 2019 da Exporural - Feira do Agronegócio e Agricultura Familiar em Pato Branco, neste ano será em outubro no período de 10 a 13. O lançamento da feira que tem como promotor a Sociedade Rural de Pato Branco, foi na noite dessa segunda-feira (12), na sede da Associação dos Engenheiros Agrônomos, no Parque de Exposições.

O que não muda na feira, é a ligação com a agricultura, seguindo assim, a programação de feiras setoriais nos anos que não é realizada a Expopato.

Durante o lançamento, o presidente da Sociedade Rural, Eucir Brocco pontuou que mesmo o entendimento é de que o momento econômico brasileiro vem tomando “um novo rumo”, ao afirmar que “é importante trazermos para nossa população, para região, principalmente para os produtores e criadores, o que tem de mais moderno seja na pecuária ou na agricultura”.

Definindo a feira como compacta, ao se referir aos quatro dias de evento, Brocco também comentou que este período será intenso, devido a vasta programação, uma vez que para a edição está sendo mantida a programação de palestras, leilões, shopping permanente de animais. “Convidamos os produtores, os criadores, estudantes das áreas ligadas à agricultura, para que venham para a feira, conferir toda a programação.”

Para Brocco a feira não deve ter como destaque o número de expositores, mas qualidade. “Por ser uma feira setorial, não teremos um grande número de expositores, mas será apresentada a qualidade genética, de tecnologia e inovação do setor”.

Com relação a participação da agricultura familiar na feira, o presidente da Sociedade Rural, evidenciou a participação de pequenas e médias propriedades no desenvolvimento do Sudoeste como um todo, o que contemplou ainda uma vasta programação de palestras para esta parcela da agricultura regional.

Para o primeiro dia de feira, Brocco destacou a palestra de abertura da feira, com Miguel Daoud, analista político e econômico, que atua também como comentarista do Canal Rural.

Ele ainda apresentou outra novidade da feira, o Dj Alok, que juntamente com outros cinco DJs se apresentarão no sábado (12). “Vamos utilizar toda a parte do Parque de Exposições que é voltada a agricultura”, disse o presidente da Sociedade Rural, explicando que para o acesso a feira, não será cobrada a entrada, somente para o show, que terá entrada por local específico, vendo que os valores variam de acordo com o lote do ingresso.

Defensor da realização de feiras setoriais, o prefeito Augustinho Zucchi definiu o agronegócio como “vital para nossa sociedade, principalmente econômica e socialmente”. Ele revelou que dos 15 maiores arrecadadores do município, cinco, são do agronegócio.

Com relação a agricultura familiar Zucchi lembrou que mais de mil produtores do município se enquadram nesta categoria agrícola, o que resulta em uma produção diversificada, seja pela criação de animais, o que também enquadra a cadeia leiteira, mas também a produção de hortifrutigranjeiros. “São uma força produtiva enorme para o nosso município”.

Para o fortalecimento do campo, o chefe do Executivo voltou a defender investimento como os programas Asfalto do Campo, o Prodeagri [Programa de Desenvolvimento da Agricultura], o Internet no Campo [que deve ser lançado ainda no final de agosto]. “Isso é o que o Município pode fazer, porque o resto depende de políticas estaduais e nacional. Mas o importante é que possamos cada vez mais apoiar este setor que é relevante para o nosso município”.

Classificados