Pato Branco

Assistência Social de PB começa 2º semestre com 24 oficinas

Ao todo, são mais de 500 vagas. As oficinas abrangem praticamente todos os bairros do município. Inscrições estão abertas a partir desta segunda, dia 17
Inscrições para os cursos e oficinas começam nesta segunda-feira (17) e seguem até o próximo dia 26 (Foto: Assessoria)

Para o segundo semestre de 2017, a secretaria de Assistência Social está divulgando a abertura das vagas para os cursos oferecidos à população. Um dos trabalhos de grande destaque é o projeto Ser Mulher, que desde 2015 – quando foi implantado – atende as expectativas e tem motivado quem precisa aprender uma profissão, e o melhor, tem recuperado autoestimas.

De acordo com a secretária Anne Cristine Gomes da Silva, ao todo, são 24 oficinas, com 525 vagas. As mulheres que tiverem interesse de participar devem se inscrever nos Cras (Centros de Referência de Assistência Social) dos bairros São João e Sudoeste, bem como na secretaria de Assistência Social.

Estão disponíveis cursos de salão social básico e avançado, costura artesanal, costura para haitianas, ginástica, zumba, informática, artesanato e de panificação. As oficinas abrangem praticamente todos os bairros de Pato Branco, e são oferecidos de forma descentralizada, atendendo cada vez mais pessoas.

Trabalhos das oficinas de flores de E.V.A e pintura em tecido e caixinhas, do Projeto Ser Mulher, promovido através da Secretaria de Assistência Social

Além da qualificação, a secretária diz que os cursos e oficinas fazem com que as mulheres recuperem a autoestima e se sintam valorizadas, já que são trabalhadas várias temáticas durante os encontros. “Queremos que elas se sintam mais fortificadas. Algumas vivem situações de violência e nós percebemos pelos relatos, que até conseguiram reduzir o uso de medicamentos antidepressivos. É um momento delas, aquelas horas que tiram para se cuidarem.”

Para atender aos homens, o projeto Eles foi lançado no município. Começou tímido, com mais participação delas do que deles, mas hoje está alcançando os objetivos. “No mês de agosto será aberta uma nova oficina da panificação, incluindo os homens. O curso será no Horto Florestal. Queremos integrar a família toda.”

A partir de segunda-feira, dia 17, as inscrições estão abertas. A prioridade são para as mulheres e famílias atendidas pelo CadÚnico do Governo Federal, e as inscrições podem ser feitas até dia 26 de julho. Depois desta data, se restar vagas, será aberta a oportunidade para toda a comunidade em geral, independente da renda.