COPA2014

3 - Até Blatter se diz surpreso com Bola de Ouro da Copa para Messi

ITALO NOGUEIRA, SÉRGIO RANGEL E RAFAEL REIS, ENVIADO ESPECIAL
RIO DE JNAEIRO, RJ - O presidente da Fifa, Joseph Blatter, admitiu nesta segunda-feira (14) que ficou um pouco surpreso com a escolha de Lionel Messi como melhor jogador da Copa do Mundo.
O suíço não afirmou qual foi o craque da competição na sua opinião, mas deu a entender que escolheria um outro vencedor para o prêmio.
"Até eu fiquei surpreso quando vi Messi subindo para receber o troféu", disse o dirigente.
Apesar da surpresa, Blatter defendeu o camisa 10 argentino e negou que sua vitória tenha sido injusta.
"Ele foi escolhido em uma votação do grupo de estudos técnicos, então tenho que aceitar. O Messi foi muito decisivo em várias partidas. É só ver o que se esperava da Argentina no começo da Copa e onde ela chegou."
Sob comando do astro do Barcelona, a seleção sul-americana chegou até a decisão da Copa após 24 anos. Assim como em 1990, acabou derrotada na final pela Alemanha.
Messi, o vencedor da Bola de Ouro, fez quatro gols no torneio, mas todos na primeira fase.
A Bola de Prata ficou com o alemão Thomas Müller. O holandês Arjen Robben ficou em terceiro na premiação.
Ao contrário das últimas edições da Copa, o melhor jogador do torneio não foi escolhido pelos jornalistas credenciados para cobrir o evento, mas sim pelo grupo de estudos técnicos da Fifa, um comitê de especialistas formados por técnicos e ex-jogadores.
"Talvez mudemos", disse o diretor de comunicação da entidade, Walter di Gregorio, ao ser questionado por Blatter se a eleição poderá voltar ao seu formato antigo em 2018.

 

Classificados