Pato Branco

Pato a Jato embarca para Detroit na semana que vem

Integrantes da Pato a Jato. Equipe quer superar desempenho que rendeu segundo lugar em 2015

A equipe Pato a Jato participa na semana que vem de mais uma edição da Shell Eco-marathon Américas, que acontece em Detroit, Estados Unidos. Esta será a terceira participação consecutiva do time de Pato Branco na competição de eficiência energética, que avalia o desempenho de protótipos de veículos desenvolvidos por estudantes.

O grupo deve embarcar no início da semana, e as disputadas acontecerão entre os dias 27 e 30 de abril. Este ano, mais de 100 equipes, de sete países devem participar da etapa, sendo seis equipes brasileiras de cinco universidades. A competição também possui etapas na Europa e Ásia.

A Pato a Jato participará com o protótipo Popygua 2.0 na categoria etanol. De acordo com Matheus Bordignon, vice capitão da equipe, a meta é superar o resultado alcançado em 2015, quando o protótipo alcançou a marca de 316 Km com um litro de combustível, desempenho que garantiu o prêmio de segundo lugar na categoria etanol. 

Esta ainda é a melhor colocação brasileira na prova. Matheus explica que problemas técnicos e alfandegários não permitiram um bom resultado na disputa do ano passado. Na competição vence o veículo que percorrer a maior distância com o menor consumo de combustível.

Criada em 2009, a Pato a Jato é formada principalmente por estudantes do curso de Engenharia Mecânica da UTFPR, campus Pato Branco, mas é aberta à participação de alunos de outros cursos de engenharia da instituição. 

Segundo Matheus, embarcarão para Detroit oito acadêmicos e um professor. Recentemente, o grupo promoveu uma rifa que arrecadou parte dos recursos para custeio da viagem. O sorteio foi realizado na semana passada.